CADASTRO POSITIVO SERÁ ALIADO DO CIDADÃO E DAS CONCEDENTES DE CRÉDITO NO NOVO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR

0
202

Conceder crédito indiscriminadamente’ contribuindo para o superendividamento do consumidor’ será considerado infração passível de punição para as instituições financeiras. Esta é uma das novas propostas em discussão no Senado para a modernização do Código de Defesa do Consumidor. Se aprovada’ a medida dará ainda mais força ao Cadastro Positivo. “As informações do cadastro serão um forte aliado das concedentes de crédito e dos consumidores contra o risco de superendividamento”’ diz o diretor do Cadastro Positivo da Serasa Experian’ Laércio de Oliveira Pinto. 

O Cadastro Positivo mostra os compromissos financeiros já assumidos pelo cidadão no mercado’ bem como as prestações quitadas’ valorizando o histórico de crédito dos bons pagadores. “Trata-se de um indutor do bom comportamento do consumidor e de um antídoto contra o superendividamento”’ afirma Laércio. Já o cadastro negativo’ segundo o executivo’ limita a capacidade do credor de analisar a situação daquele CPF’ que pode ter sido negativado por uma dívida’ mas’ em contrapartida’ ter muitos outros financiamentos pagos corretamente’ que não são considerados. “O Cadastro Positivo proporciona uma condição mais justa para os dois lados do balcão”’ lembra o executivo.

Crédito sustentável

Independente da aprovação das novas propostas para o Código de Defesa do Consumidor’ o Cadastro Positivo já é uma realidade e pode contribuir para que o brasileiro tenha mais acesso ao crédito’ com taxas mais justas e menos burocracia. Em muitos países’ os optantes do Cadastro Positivo conseguiram boas condições de financiamento’ mesmo sem conta em banco ou comprovante de renda’ uma vez que é possível a quem financia conhecer o comportamento de crédito desse tipo de cliente.  

O consumidor pode abrir seu Cadastro Positivo nas unidades ou no site da Serasa Experian (http://www.cadastropositivoserasa.com.br/)’ nas agências bancárias do seu relacionamento ou nas lojas onde costuma comprar a prazo. Caso o cidadão opte por fazer a adesão ao Cadastro Positivo’ em uma agência da Serasa Experian’ ele deverá apresentar um documento de identidade original com foto ou cópia autenticada.  Em uma semana’ o CPF já estará incluído no cadastro. 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.