CCS-SP comemora aniversário de 51 anos

0
406

O tradicional almoço do Clube dos Corretores de Seguros de São Paulo (CCS-SP), realizado no Circolo Italiano, reuniu diretoria, associados, representantes de seguradoras parceiras e imprensa para uma dupla celebração. Na ocasião, foram comemorados o aniversário de 51 anos do CCS-SP, completados no dia 5 de outubro, e o Dia do Corretor de Seguros (12 de outubro).

O mentor do CCS-SP, Álvaro Fonseca, dividiu a mesa de trabalho com profissionais que fazem parte da história da entidade, começando pelo ex-mentor e um dos fundadores Henrique Elias. Ao lado deles, os ex-mentores Boris Ber, presidente do Sincor-SP, Alexandre Camillo, ex-superintendente da Susep, e Adevaldo Calegari, além dos diretores da atual gestão Marco Cabral e Gilberto Januário.

O mentor Álvaro Fonseca lembrou a nobre origem do CCS-SP, que foi criado em pleno regime militar para dar voz aos corretores de seguros, que estavam impedidos de se manifestarem por meio de seu sindicato. “O Clube tem uma história linda, representativa, de muita luta, tornando-se, ao longo dos anos, um celeiro de lideranças. A trajetória dos corretores de seguros na consolidação da profissão se mistura com a história do Clube”, disse.

Para o mentor, a categoria conquistou não apenas a valorização da profissão como também se firmou como o principal canal de distribuição. “Somos os melhores. Tanto é que algumas das empresas que entraram no setor dispostas a atuarem sem o corretor, hoje reconhecem a sua importância e valor”, disse. Ele também destacou o papel social do corretor. “Somos agentes do bem-estar social, porque somos preparados, abnegados e abrimos mão de muitas coisas para levar tranquilidade aos nossos clientes”, disse.

Como parte da celebração do aniversário, a diretoria do CCS-SP homenageou com uma placa os ex-mentores Henrique Elias, Boris Ber, Adevaldo Calegari e Alexandre Camillo. “Espero que o Clube tenha uma vida longa e que possamos continuar fazendo o melhor para os nossos segurados”, disse Elias. “Ser associado ao Clube é como um selo de qualidade para os corretores”, disse Calegari.

“Como falei na minha palestra no Conec, às vezes focamos tanto nos desafios que nos esquecemos das oportunidades. Comecei no Clube como associado, em 2000, participei da diretoria, fui mentor, presidente do Sincor-SP, vice-presidente da Fenacor e autoridade máxima do mercado por um breve período. Cheguei até aqui com o apoio e a confiança de vocês, e essa força, às vezes, a gente não percebe. Vocês podem ser tudo o que quiserem”, disse Camillo.

“Agradeço o reconhecimento de toda a diretoria do Clube. Assim como Camillo, também comecei aqui, onde aprendi sobre liderança. Por isso o Clube tem um papel fundamental”, disse Boris Ber. Em seguida, agradeceu a participação dos corretores no Conec. “A palavra é gratidão. Nos empenhamos bastante para trazer novidades, tivemos um número excepcional de corretores participantes, inclusive de outros estados, atingimos a nossa meta”, disse.

As empresas parceiras do CCS-SP convidadas para o almoço, Allianz Seguros, Bradesco Seguros, Bradesco Vida e Previdência, Porto, Liberty, Tokio Marine e Ituran, sortearam brindes para os associados. Em seguida, o aniversário do Clube foi comemorado com um bolo. O mentor agradeceu a presença de todos no encontro e comunicou que o próximo almoço será realizado no dia 7 de novembro e a festa de confraternização do CCS-SP no dia 6 de dezembro, no Circolo Italiano.

Foto – Gilberto Januário, Henrique Elias, Alexandre Camillo, Álvaro Fonseca, Boris Ber, Adevaldo Calegari e Marco Cabral

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.