O Dinheiro Seguro aborda as oportunidades em vida e previdência

0
352

Em sua 5ª edição, o Dinheiro Seguro, programa da GRTV, canal voltado para o gerenciamento de riscos, recebeu a vice-presidente da FenaPrevi, Angela Beatriz de Assis. Durante o bate-papo, que é conduzido pelo jornalista Paulo Alexandre e conta com participação do consultor econômico, Francisco Galiza, o convidado trouxe um resumo dos painéis da Conseguro relativos ao tema “Previdência”.

Realizado pela Confederação Nacional das seguradoras (CNSeg), o Conseguro é o maior evento do mercado segurador. Sua décima edição contou com cerca de mais de 6 mil inscritos, 100 palestrantes e 26 painéis em sua programação. Foram cinco dias de evento baseado no tripé, transformação digital, futuro do trabalho e wellness (“bem-estar”). O tema da conferência 2021 foi “Inovando com o mercado e com você”. Dada a relevância do evento, a produção da GRTV produziu uma série de 8 programas sobre os assuntos discutidos nas palestras. 

Em suas considerações iniciais, Galiza comentou o painel intitulado “A era da proteção e a importância do seguro de pessoas e da previdência privada”. “O painel foi envolto de quatro pontos centrais: Novos negócios; Potencial de crescimento; Crise sanitária aumentou a consciência e Educação Financeira”, disse.

Segundo a vice-presidente da FenaPrevi, o painel foi muito relevante e assertivo, porém existem quatro pontos de destaque. “O primeiro é a resiliência do setor de seguros nesse momento de crise sanitária, pois apesar do que nós vimos em termos de desemprego, de questões familiares, o segmento mostrou força e resiliência por meio de um crescimento consistente”, pontou. Já o segundo tópico foi a importância do segmento de seguros para economia. “Quando nós olhamos e comparamos janeiro a julho de 2020/2021, nós vimos um crescimento de ativos no setor de previdência superior a 7% e um prêmio de seguros superior a 15%”, explicou.

O terceiro tópico interessante foi como as seguradoras conseguiram transformar e melhorar as suas jornadas digitais, sempre com a visão de oferecer o melhor serviço para seu cliente. “Então, nós tivemos transformação digital muito forte. Tivemos saídas de documentos, principalmente em relação a pagamentos de sinistros que é um momento bastante complexo nas famílias dessas vidas que foram perdidas. Contudo, nós conseguimos reinventar, refazer os processos e tornar o pagamento de benefícios menos complicado”, relatou. E, para finalizar, o quarto aspecto desse painel foi a importância social de seguros. “Aqui, destaco os produtos de seguro de vida e previdência, pois quando olhamos de janeiro a julho de 2021 vemos que já pagamos mais de R$4.6 bilhões em sinistros”, concluiu.

Confira a íntegra:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.