Previsul, 115 anos: aculturação do seguro

0
674

“Tá Seguro, Tá Previsul” busca mostrar aos brasileiros que as coberturas dos seguros podem estar mais presentes no dia a dia

Segundo levantamento realizado pela Universidade de Oxford, em 2018, apenas 19% dos brasileiros possuíam um seguro de vida, o que representava a menor taxa de cobertura pessoal do mundo. Ainda de acordo com a pesquisa, a média global era de 32%. Com a pandemia do coronavírus, esses números começaram a mudar. De acordo com a Federação Nacional de Previdência Privada e Vida (FenaPrevi), em 2020, as contratações cresceram 26,2% ante o ano anterior.

Porém, os números citados mostram que a cobertura pessoal no país ainda está longe do ideal. Pensando nisso, a Previsul Seguradora está lançando, em comemoração ao aniversário de 115 anos, a campanha “Tá Seguro, Tá Previsul”. Com o objetivo de iniciar um movimento de aculturação do seguro, a companhia quer mostrar de forma didática quais são as situações em que o segurado pode acionar as coberturas.

A campanha busca sempre responder uma pergunta que começa com “E se…”, utilizando-se de situações comuns à população e que podem ser resolvidas por meio das coberturas e assistências de um seguro. Por exemplo: “E se o João quebrar um dente jogando futebol? Tá Seguro, Tá Previsul”, já que com a cobertura de Despesas Médicas, Hospitalares e Odontológicas (DMHO), é possível ter o reembolso das despesas com o dentista de forma simples.

Segundo Renato Pedroso (foto), presidente da Previsul, a seguradora pretende trazer um novo olhar para o seguro. “Os brasileiros não possuem a cultura da prevenção e, raramente, veem os benefícios das coberturas e assistências do seguro. Por isso, mais do que celebrar nossa trajetória, decidimos olhar para o presente com foco na construção do futuro”.

Se antes as pessoas associavam o seguro de vida somente com a cobertura de morte e o seguro de bens em casos de incêndio e furto, por exemplo, agora, a ideia é ampliar esse horizonte para a população entender que os seguros vão muito além disso.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.