Quatro tendências no uso da tecnologia pelas empresas de seguros

0
60

Setor é um dos mais impactados pela transformação digital; SAS Insurance Summit debate uso da tecnologia pelas companhias seguradoras

O setor de seguros no Brasil tem sido impactado de maneira significativa pela tecnologia nos últimos anos. Em 2020, esse movimento foi particularmente acelerado em razão das mudanças observadas pela sociedade por conta da crise pandêmica. A transformação digital das companhias do segmento – tanto do back office, com aumento de agilidade e produtividade e maior acurácia na gestão de risco; quanto no front office, com a possibilidade de se criar novos modelos de negócios e até novos serviços aos clientes – tem gerado ganhos ao setor.

“A disrupção tecnológica sempre foi aventada pelas seguradoras brasileiras”, relata Ricardo Saponara (foto), especialista em analytics para o setor de seguros do SAS para a América Latina. “Com o cenário atual, uma grande tendência foi reverberada na adoção e na aceleração de soluções digitais. Com ferramentas de analytics, uso intensivo de dados e a chegada das redes móveis de quinta geração (5G), criou-se uma onda perfeita para a adoção tecnológica pelas empresas de seguros. As que estiverem mais prontas conseguirão ter uma melhor presença de mercado”.

Com as rápidas transformações observadas pelas empresas de seguros, o especialista do SAS listou quatro tendências do uso da tecnologia pelo setor. Veja:

Tecnologia no combate à fraude

O setor de seguros vem adotando tecnologias para reduzir o número de fraudes, e isso deve ser potencializado ao passo que a maturidade e o acesso evoluem. Muitas delas já fazem uso, e com resultados impressionantes. Outras, que não utilizam, passarão a adotar em suas estratégias de combate a fraude, com o apoio de ferramentas de analytics, modelos preditivos e técnicas de uso de dados para melhoria de processos que impactam diretamente o negócio.

Tecnologia para conhecer o perfil do usuário

O uso da inteligência analítica permite que as empresas tenham capacidade de entender melhor o seu cliente e, a partir de uma avaliação por perfil, oferecer a melhor oferta para ele. A tecnologia, por meio de análise de informações e inteligência artificial, consegue identificar padrões de comportamento do consumidor a partir da base de dados. Além disso, as empresas do setor precisam não apenas fazer uso dessas tecnologias, mas também treinar as pessoas para que consigam interpretar essas tendências. Seja para seguro automotivo, de vida ou até mesmo para seguros voltados ao lar ou a bens casuais, as empresas devem ter proatividade em identificar os produtos mais adequados ao seu público, sendo mais assertivas na abordagem e na oferta.

Tecnologia para endereçar riscos regulatórios

Os órgãos regulatórios brasileiros seguem constantemente aumentando o nível de requerimentos para aumentar a transparência e reduzir os riscos no setor. Seja em aspectos relacionados ao capital mínimo requerido, qualidade patrimonial e risco de solvência, ou até mesmo nas práticas contra lavagem de dinheiro, as empresas precisam de uma abordagem responsável. A tecnologia analítica permite avaliar diversos pontos, seja do perfil do cliente e o quanto ele representa de riscos de pagamento, de fraude ou de comportamento suspeito, como também pela avaliação constante de seus ativos.

Tecnologia para criar novos produtos e serviços

A combinação de tecnologias inovadoras, como IoT, anaytics, inteligência artificial e cloud, permite às seguradoras não apenas melhorar seus processos e aumentar a satisfação dos clientes, mas criar novos produtos ou modelos de negócios. Um exemplo são os seguros de automóveis cuja precificação não é feita apenas com base no perfil do veículo, do usuário e da região em que ele vive, mas também no estilo de direção do segurado. Esses dados são captados por sensores instalados no carro que geram dados que, quando tratados, permitem que o risco e, portanto, o valor do seguro seja o mais correto para aquela pessoa específica.

SAS Insurance Summit debate uso da tecnologia pelo setor

Com o intuito de trazer uma visão mais ampla sobre como o setor está utilizando a tecnologia para potencializar seus negócios, o SAS realizará no próximo dia 10 de junho, às 09h, o Insurance Summit Brazil 2021. O evento, virtual e gratuito, contará com a presença de especialistas de mercado e executivos de grandes seguradoras, que abordarão, entre outros temas, como a inteligência artificial aliada à Internet das Coisas contribuem para a digitalização do setor, trazendo melhores resultados e maior satisfação aos clientes. 

Executivos de empresas como Porto Seguro, HDI Seguros, SulAmérica, Claro, Microsoft Brasil, além de especialistas do SAS, debaterão ainda temas como prevenção à lavagem de dinheiro, uso de analytics ligado à inovação digital, experiência de clientes no mercado de seguros, entre outros assuntos. As inscrições para o Insurance Summit Brazil 2021 podem ser feitas a partir do site: https://www.sas.com/pt_br/webinars/insurance-summit-brazil-2021.html 

Sobre o SAS

O SAS é líder global em Analytics e a maior empresa de software de capital fechado do mundo. Fundada em 1976, suas soluções são usadas em mais de 80 mil empresas em todo o planeta, incluindo 93 das top 100 companhias listadas na Fortune Global 500. No Brasil, o SAS está presente desde 1996 com escritórios em São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ) e Brasília (DF), atuando em setores como finanças, telecomunicações, varejo, energia, governo, educação, entre outros. A empresa também é mundialmente reconhecida por suas boas práticas de Recursos Humanos, inclusive no Brasil, onde foi incluída seis vezes consecutivas entre os três melhores empregadores do país pelo ranking Top Employers Institute. Confira o site: www.sas.com/br

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.