Segundo pesquisa, o ramo de seguros será uma das profissões mais promissoras de 2021

0
118

Exatamente pelo período tão turbulento no qual o mundo está passando diversas áreas de trabalho estão em alta. Segundo um levantamento feito pela consultoria de recrutamento e seleção Robert Half, o mercado de seguros obteve uma grande crescente nos últimos meses, isso porque, devido a onda da covid-19 – que infelizmente causou milhares de mortes e internações –  muitas pessoas perceberam a importância de se ter um seguro de vida ou um plano de saúde para cobrir as necessidades em um momento como esse.

Mas além de ser uma área de destaque em 2020, o mercado de seguros promete ser uma das profissões de 2021, pela mesma razão. O fato fez com que as pessoas refletissem a importância de cuidarem de si mesmas, do próximo e de seus bens, além da garantia de ter a quem recorrer caso algo aconteça.

“Com tamanho impacto mundial, a pandemia fez com que os valores e prioridades das famílias mudassem. Hoje, a saúde, segurança e bem-estar são muito mais valorizados, porque vimos o quanto somos frágeis e podemos estar expostos a situações de risco. Nunca pensamos que passaríamos por isto, ou ao menos, não pensamos que seria tão agressivo e causaria tamanhas perdas”, explica Leonardo Medina Bozone, diretor de Expansão de Franquias da TSValle.

Um exemplo de como isso tem acontecido na prática é ver a queda na compra de imóveis e automóveis versus o crescimento da contratação de seguros de patrimônios para preservar bens. “Não estamos no momento ideal para investir num imóvel ou carro, e sim, no momento para preservar o que temos”, complementa o especialista.

O decreto de se implementar o isolamento social acabou gerando o fechamento e a perda de milhares de empregos pelo país. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cerca de 3,1 milhões de brasileiros perderam seus empregos durante a pandemia, com isso, estão buscando formas de recomeçar, e a franquia no ramo de seguros pode ser uma delas para aproveitar a alta da profissão de olho em 2021.

Além disso, outro fato chama a atenção de quem busca investir nessa carreira e ainda ser dono do próprio negócio. É que apesar dos impactos da pandemia, o relatório do primeiro trimestre da Associação Brasileira de Franchising (ABF), mostra que o setor de franquias teve aumento de 5,2% no faturamento dos últimos 12 meses, quando comparado com o mesmo período do ano passado. A franquia traz uma facilidade e flexibilidade mais vantajosa do que iniciar o próprio negócio do zero. Além disso, as nanofranquias têm sido uma ótima alternativa para quem precisa investir pouco, mas quer empreender.  No caso da TSValle, franqueadora do segmento de seguros, consórcios e planos de saúde, por exemplo, é possível investir até R$ 9 mil reais, parcelados, e trabalhar no sistema home office, além de não exigir experiência anterior na profissão. Uma combinação perfeita para quem buscar dar uma guinada na vida a partir de uma carreira de futuro e ainda ter um negócio próprio”, conclui Bozone.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.