Especialista destaca as coberturas de seguros recomendadas aos escritórios de advocacia

0
214

Os escritórios de advocacia têm um papel fundamental na defesa dos direitos e interesses dos clientes. No entanto, como qualquer empresa, eles estão sujeitos a riscos e imprevistos que podem afetar tanto o funcionamento do negócio quanto a segurança dos clientes.

Ao garantir uma cobertura de seguro adequada, a sua empresa pode proteger-se contra uma série de riscos, como sucessórios, danos físicos à propriedade, despesas com a recomposição de registros e documentos, danos a terceiros, responsabilidade profissional e de gestão, violação de dados e roubo de informações confidenciais. Essas proteções podem ajudar a mitigar os efeitos negativos de incidentes potenciais, permitindo que o escritório continue operando e oferecendo serviços de qualidade aos clientes.

De acordo com Luiz Eduardo Halembeck, especialista e sócio fundador do Grupo Halembeck Seguros, “é crucial entender que cada escritório possui necessidades e riscos únicos”, diz. Ele também destaca a importância de adquirir coberturas ajustadas de seguro visando atender às demandas específicas de cada empresa, “isso permitirá lidar com desafios imprevistos, garantindo a manutenção da estabilidade financeira e da reputação no mercado”.

Diante do cenário descrito, o especialista reuniu os tipos de seguros que todo advogado deve considerar para proteger sua prática e dirimir riscos. Aqui estão alguns exemplos:

•            Seguro de vida em Grupo para sucessão: pode ser usado como um complemento ao acordo de acionistas, com o objetivo de apoiar o planejamento sucessório ou fornecer um benefício diferenciado aos Sócios;

•            Seguro para Gastos Médicos Maiores:  Seguro Saúde que poderá ser usado a segundo risco ou como opção individual ao Sócio que se desligar da Sociedade;

•            Seguro de Responsabilidade Civil Profissional E&O e D&O: cobertura de danos à terceiros devido a falhas profissionais e de gestão;

•            Seguro Patrimonial: a análise do risco e alocação das coberturas e valores ajustados ao perfil do escritório deve ser realizada por profissional experiente no ramo;

•            Seguro de Responsabilidade Civil Operações – orientamos à contratação de apólice independente da apólice patrimonial visando valores adequados para cobertura de danos materiais, corporais e morais à terceiros, como por exemplo em um incêndio, que danifique os imóveis vizinhos pela propagação do calor, fumaça e a água usada no combate ao fogo;

•            Seguro Cibernético:  cobertura para proteção de dados confidenciais do escritório e seus clientes contra violações de dados, ataques cibernéticos e suas consequências legais e financeiras impostas pela LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados.

O especialista conclui que escritórios de advocacia podem assegurar-se contra riscos e surpresas adquirindo coberturas personalizadas. “Essas coberturas têm o propósito de assegurar a continuidade das operações e a qualidade dos serviços, cobrindo riscos sucessórios, danos físicos, responsabilidade profissional, violação de dados e roubo de informações confidenciais”.

Adicionalmente, Halembeck enfatiza que os seguros destacados são fundamentais para garantir estabilidade financeira, reputação no mercado e enfrentar desafios imprevistos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.