Gente que protege a saúde é tema do Trato Legal

0
307

Em sua décima terceira edição, o Trato Legal traz o quarto episódio da websérie “Gente que protege”. Nesse programa, falaremos sobre gente que protege a saúde com Leonardo de Freitas, diretor da Bradesco Seguros e Giuliano Borro, superintendente executivo de operações da Bradesco Saúde. Apresentado por Paulo Alexandre e com a participação do consultor econômico, Francisco Galiza, o programa da GRTV, canal de debate e notícias relacionados à gerência de riscos.

Galiza iniciou sua participação com um comentário sobre o tema do episódio. “No programa de hoje falaremos da tecnologia apoiando o corretor de seguros no segmento saúde, então em uma só frase podemos ver que o assunto é muito importante, pois envolve esses três pilares importantíssimos para o setor: Tecnologia; Corretor de Seguros e Saúde”, apontou.

Giuliano, por sua vez, falou sobre como o grupo Bradesco Saúde tem atuado frente as novas necessidades de proteção em saúde. “Nós temos uma trajetória pautada na prevenção assistencial e no atendimento humanizado e um pilar importante para isso é nosso contínuo investimento em tecnologia e inovação para propiciar aos nossos segurados uma experiência melhor e cada vez mais completa”, explicou.

Em um segundo momento, Leonardo falou se a tecnologia é amiga ou inimiga da gente que protege. “Eu costumo reforçar que quem lida com a proteção é um super-herói sem capa. Durante esse último ano, essa foi a mensagem que bati na tecla, pois é o que esses profissionais são: heróis. Acima de tudo, eles têm e nenhuma ferramenta pode substituir essa missão que somente um ser humano pode exercer, cabe a ele a lidar com o futuro para suprir as necessidades de proteção das pessoas. A tecnologia entra como um aparato seja para otimizar processo ou potencializar o aprendizado”, concluiu.

Confira:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.