Grupo HDI reforça compromisso com a sustentabilidade e anuncia projetos culturais e sociais apoiados em 2024

0
148

Companhia vai impactar milhares de pessoas ao longo do ano com iniciativas sociais, ambientais e de diversidade e inclusão

Com o objetivo de gerar impacto social positivo, fomentar a diversidade e a inclusão e proteger o meio ambiente, o Grupo HDI anuncia os projetos que vão receber patrocínio e apoio da companhia em 2024. A premissa principal desta ação é incentivar um futuro melhor e mais sustentável para a sociedade brasileira, além de reforçar os valores que a empresa já aplica no dia a dia.

Para este ano, as iniciativas são alinhadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU e foram selecionadas por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, da Lei Federal de Incentivo ao Esporte, do Fundo da Infância e da Adolescência e do Fundo do Idoso. As iniciativas têm foco em diversidade e inclusão, especialmente de crianças, jovens e idosos em vulnerabilidade social, e a relação de projetos é fruto dos planejamentos de sustentabilidade da Liberty Seguros, adquirida pelo Grupo HDI em 2023, e da HDI separadamente, entretanto, com a união das empresas, os investimentos sociais serão harmonizados, a fim de ampliar os impactos positivos no meio ambiente e na sociedade.

“A sustentabilidade faz parte da estratégia do Grupo HDI e ganha ainda mais força no atual momento da companhia. Trabalhamos para contribuir com a comunidade em que estamos inseridos, com um forte olhar para a inclusão social e a preservação do meio ambiente”, afirma André Truzzi (foto), diretor de Transformação do Grupo HDI. “Neste ano, focaremos em contribuir com o controle de emissões da nossa cadeia produtiva, com a garantia de trabalho justo em todos os nossos parceiros e com suporte e capacitação de grupos vulneráveis ou sub representados na nossa sociedade.  Nossas ações focarão em projetos que promovam experiências transformadoras e que deixem um legado perene nas comunidades”, completa o executivo.

Ações para a terceira idade

Na frente de fomento ao cuidado com pessoas idosas, um dos projetos selecionados é o Hospital de Amor, instituição com mais de 60 anos de história no tratamento gratuito de pacientes da terceira idade com câncer. Além disso, em parceria com o Instituto Olga Kos, o Páginas da Vida – Arte Literária oferecerá oficinas artísticas para pessoas idosas em vulnerabilidade social. A iniciativa prevê atividades de leitura, a fim incentivar a construção e produção artística das histórias e experiências de vida dos próprios participantes. No final, cada um terá o seu próprio caderno.

Outras duas iniciativas, ambas promovidas pela Associação Beneficente Casa da União, são a Horta Social e o Agrofloresta. A primeira propõe desenvolver um centro de produção de mudas e hortaliças para fornecer alimento para idosos da cidade de Caucaia, no Ceará, e realizar atendimentos da área da saúde nas comunidades por meio de práticas sustentáveis permanentes. A segunda, que acontecerá nas comunidades de Jandaiguaba e Barra Nova, também em Caucaia, é uma proposta de educação ambiental para desenvolver sistemas agroflorestais com idosos, por meio de práticas que visam a produção de alimentos, o aumento da biodiversidade e o enriquecimento do solo.

Esporte como ferramenta social e sustentável

A fim de incentivar a integração por meio do esporte, o Grupo HDI está investindo no projeto Brincando na Quadra, que é promovido pela ONG Fábrica de Saúde, Esporte e Cultura e pela BW Eventos. A ação gira em torno da construção e/ou reforma de quadras poliesportivas em cinco escolas ou comunidades de municípios diferentes que não possuam estrutura para a prática dessas atividades. Além disso, serão oferecidas aulas de iniciação esportiva com especialistas de quatro modalidades coletivas (basquete, handebol, voleibol e futsal) para crianças e adolescentes de seis a 14 anos que sejam alunos da comunidade ou do ensino fundamental da rede pública.

Outra iniciativa fomentada pela empresa é o Go Cup, maior campeonato de futebol infantil do mundo. Com estrutura de competição oficial, equipes de arbitragem e suporte médico, a 10ª edição do projeto acontece em Aparecida de Goiânia e tem 360 equipes inscritas em diversas categorias, que contemplam crianças de seis a 13 anos.

A companhia também anunciou apoio a mais três importantes eventos esportivos. Um deles é o Recicla Run, corrida organizada pela Bienal do Lixo e a primeira a se preocupar com o seu impacto da largada até a chegada. Outro projeto é o Music Run, ação de contrapartida social que reverte todo o valor das inscrições em compra de alimentos. Por fim, o Grupo incentivará o Circuito Transformar, que é composto por quatro provas de corrida e caminhada, realizadas em Campinas, Santos, Cotia e Guarulhos, com distâncias de 5km e 10km. O intuito é transformar os hábitos dos participantes e promover a saúde e o bem-estar de todos.

Incentivo à educação de jovens

Na frente de educação, uma das iniciativas selecionadas foi o Vocação, que oferece atividades de aprendizagem e inclusão profissional para adolescentes de 14 a 17 anos, com a finalidade de auxiliá-los na inclusão ao mundo de trabalho e geração de renda. Outra instituição apoiada será a Associação Santo Agostinho (ASA), projeto que busca a transformação por meio da educação e cuidado de crianças e adolescentes, expandindo o acolhimento e o bem-estar para idosos também, para que eles tenham oportunidades de desenvolvimento pessoal com respeito e dignidade.

Além disso, o Grupo manterá o apoio de anos ao programa de educação Jovem Aprendiz, da Fundação Tênis, que vem para ajudar na formação técnica e profissional de jovens nas áreas de tecnologia, inovação e empreendedorismo. Por meio de cursos, o projeto traz uma abordagem inovadora para que os jovens aprendizes desenvolvam competências fundamentais, cognitivas e sociais para atuação no mercado de trabalho.

Ações culturais e apoio a festivais

Em cultura, o Grupo HDI selecionou a Gincana Fotográfica, projeto desenvolvido pela ImageMagica que une ferramentas para que os participantes tenham empoderamento para identificar sentimentos, reconhecer os sonhos, prevenir e combater a violência, entre outros temas. As atividades oferecem contação de histórias, desenvolvimento de competências socioemocionais, trabalho em grupo e, principalmente, fotografia, a fim de incentivar momentos de reflexão, decisões, autoconhecimento, autoestima e criatividade.

Organizado pela M’Baraká Projetos e Produções, outra iniciativa que receberá apoio é o Nós – Arte e Ciência Por Mulheres, exposição de arte que trata da trajetória das mulheres na produção de conhecimento por todo o País, desde a sabedoria ancestral até a presença de feiticeiras e curandeiras nas instituições científicas atualmente. A escolha do projeto se deu por conta do mote do empoderamento feminino, uma causa muito importante para a companhia.

O Grupo HDI ainda terá participação ativa em cotas de patrocínio em grandes eventos que ocorrerão ao longo de 2024, como o Festival Sensacional, nos dias 21 e 22 de junho, no Parque Ecológico da Pampulha, em Belo Horizonte; a Oktoberfest São Paulo 2024, uma iniciativa pensada para expandir ainda mais o relacionamento com o corretor, marcada para acontecer entre os dias 6 e 22 de outubro; e a peça de teatro Bárbara, interpretada pela atriz Marisa Orth, que ficará em cartaz entre março e abril, no Teatro Bravos, localizado no Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo.

Outros festivais que fazem parte da relação de projetos incentivados pela companhia são o Raízes São Paulo, evento multicultural que pretende ressaltar, especialmente, a valorização da cultura brasileira, trazendo apresentações de música instrumental, popular e circo, além de workshops e palestras, e o Paredes Vivas, iniciativa cultural e educativa que fomenta a conscientização socioambiental, tendo a arte urbana como principal ferramenta.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.