Com sólida posição financeira, a seguradora cresceu em todas as linhas de negócio e encerrou o ano com R$ 833 milhões em volume de ativos livres. O patrimônio líquido da empresa atingiu R$ 1,3 bilhão. O resultado consolidado da Companhia garantiu um ROE (retorno sobre o patrimônio) de 24%, em linha com os anos anteriores.  A Icatu alcançou um montante de recursos administrados de R$ 39,9 bilhões, um aumento de 35%.

Mais de 6,5 milhões de clientes escolheram a Icatu para cuidar do futuro da sua família por meio de 280 parceiros comerciais, 4,9 mil corretores e cerca de 56 mil empresas clientes. Presente em todo o país, mais de 40 mil pessoas foram beneficiadas com as coberturas dos seguros contratados, em centenas de municípios. A presença nacional da Companhia também foi ampliada com a inauguração de três novas filiais no último ano.

“Tivemos evoluções significativas em produtos e serviços em 2018, que nos permitiram prover melhores experiências aos nossos clientes e parceiros de distribuição. Reforçamos nossas parcerias estratégicas, firmamos novas que nos ajudaram a capilarizar nossos produtos e soluções, e contribuir de forma cada vez mais relevante para a sociedade”, destaca Luciano Snel (foto), presidente da Icatu Seguros.

“Em 2018, o resultado com operações de Vida, Previdência e Capitalização apresentou um crescimento de 34%, compensando a queda da taxa de juros, levando a Companhia a atingir um lucro líquido de 271,9 milhões,” afirma Snel.

Desempenho dos segmentos

Em previdência privada, foi a seguradora mais escolhida entre os brasileiros que migraram seus fundos de previdência ao longo do ano de 2018 (líder no ranking de portabilidade). Obteve 6,5 bilhões em captação líquida, um crescimento de 58% em relação ao ano anterior, liderando, inclusive, o ranking do produto PGBL. O patrimônio da Icatu em Previdência bateu a marca de R$ 25 bilhões, crescendo 44%. Pioneira na atuação sob o modelo de arquitetura aberta, a Icatu conta com 71 gestores e mais de 240 fundos, oferecendo diversificação para todos os perfis de investidores de forma eficiente. Em 2018, a empresa lançou mais de um fundo por semana.

O faturamento no segmento de Seguros de Vida cresceu 16%, aproximadamente o dobro do mercado, atingindo R$ 1,9 bilhão em 2018.

Já a Icatu Capitalização viu seu faturamento aumentar 14%, totalizando R$ 1,12 bilhão. A Companhia distribuiu R$ 64 milhões em sorteios e ocupa a quinta posição no ranking geral de provisões no mercado.

Em 2018, o patrimônio administrado pela Icatu Fundos de Pensão somou R$ 3,3 bilhões, sendo responsável pela gestão de cinco planos instituídos (fundos setoriais) e 40 planos do fundo Icatu Multipatrocinado, com 95 mantenedores e mais de 85 mil participantes.

Rio Grande Seguros e Previdência

A joint venture se manteve como a maior seguradora de pessoas com matriz no Estado do Rio Grande do Sul. Enquanto o mercado de Vida cresceu 9% segundo dados da Superintendência de Seguros Privados (Susep), a empresa avançou 20% neste segmento em 2018. No Rio Grande do Sul, os produtos de Vida alcançaram um Market share de 14%. Os resultados positivos se repetem em Previdência Privada: as reservas ultrapassaram a marca de R$ 600 milhões, um aumento de 46% em relação ao ano anterior.

 Icatu Vanguarda

A Icatu Vanguarda, gestora de recursos do grupo, encerrou 2018 com a importante marca de R$ 19,3 bilhões em ativos sob gestão, o que a coloca entre as maiores gestoras do país. Conquistou o prêmio Valor Investe como melhor gestora geral pelo segundo ano consecutivo e, ainda, o primeiro lugar na categoria de melhor gestora em fundos de previdência pelo período de 7 anos. A casa teve rating máximo de Qualidade de Gestão (MQ1) reafirmado pela agência Moody’s.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

©2019 Revista Segurador Brasil - Todos os direitos reservados. | by Cloudbe

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?