Live do Sincor-SP ensina corretores de seguros a prosperarem nas redes sociais

0
249

Para debater o tema “Redes Sociais – Desafios e Oportunidades para Corretores de Seguros”, as Comissões Negócios do Corretor e Jurídica do Sincor-SP receberam o corretor de seguros e fundador da startup Cliente Agente, Kleber de Paula, em live em 29/07. Na ocasião, os profissionais discutiram estratégias que podem ser adotadas pela categoria para gerar maior engajamento com clientes e trazer melhores resultados. É possível assistir à transmissão pelo canal da TV Sincor-SP, no YouTube.

Representando o presidente da entidade, Alexandre Camillo, e a diretora executiva responsável pela Assessoria Técnica, Simone Fávaro, na abertura, o 1º vice-presidente do Sincor-SP, Boris Ber,   falou da importância de discutir o tema. “Uma live necessária para o momento, já que estamos nos conectando com as pessoas pelas redes sociais. E, o corretor de seguros vai precisar aprender como utilizar as ferramentas da melhor maneira e alcançar aqueles que não sabem a importância do seguro”, completou.

Perguntado sobre a diferença de usar e vivenciar as redes sociais, Kleber destacou que o ambiente digital é uma extensão dos relacionamentos. “Quando nos inserimos em um ambiente, é essencial saber que existem outras pessoas lá com as quais precisamos criar uma conexão. Por isso, tudo o que é publicado deve ter relevância, um significado para quem está do outro lado.”

O executivo ressaltou que para criar uma conexão com os consumidores, o corretor deve produzir posts de experiências, cases de sucesso e depoimentos de clientes. “Não adianta postar apenas produtos de seguros. Já imaginou você chegar num evento entregando panfleto? A primeira impressão tem que ser que os clientes precisam considerar você para resolver um problema. Então, primeiramente, é importante criar a conexão”, detalhou. Kleber ainda reiterou que, em um primeiro momento, para se relacionar nas redes sociais não se deve separar o pessoal do profissional. “Leva tempo para que uma marca tenha reconhecimento no digital. Então, é muito mais fácil eu, como pessoa, me conectar com os meus clientes.”

Sobre a iniciação nas redes sociais, Kleber deu dicas. “Quando fazemos uma publicação, é como dizer ao mundo para o que viemos. Primeiro, responda quem você é antes de vender seguro. Conte um pouco da sua história, como começou, quantos anos está na área. Quando a mensagem é bem construída, é possível atingir mais pessoas.”

A respeito de conteúdos pagos nas redes sociais, o executivo lembrou que é preciso ter cuidado, já que, às vezes, se gasta muito dinheiro e não tem o retorno desejado. “Se ainda não estruturou a rede social, se não tem frequência, constância e coerência naquilo que comunica, não é interessante investir dinheiro ainda”, e aconselha: “enxergue melhor onde está ambientado, qual é o público que te acompanha, de que maneira pode interagir com essa base e qual a hora que pode ser lembrado na contratação do seguro.”

As perguntas ao especialista foram feitas pelo coordenador e o integrante da Comissão Negócios do Corretor, Arnaldo Odlevati Junior e Marcelino Odlevati, assim como pelo coordenador e a integrante da Comissão Jurídica, Edson Fecher e Priscila Figueiredo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.