SulAmérica celebra investimentos em inovação e consolida projetos de olho no futuro

0
1250

A SulAmérica reforçou, em 2018, ações focadas em tecnologia e inovação, com o objetivo de proporcionar uma evolução constante na experiência aos seus sete milhões de segurados e mais de 30 mil corretores de seguros parceiros. A companhia apresentou ao mercado uma série de novidades para o relacionamento com todos os seus públicos – em linha com as novas tendências sociais – voltadas à promoção de segurança, tranquilidade e qualidade de vida.

“Este é mais um ano positivo”, comemora o presidente da SulAmérica, Gabriel Portella (foto). Com a ampliação e consolidação de nossos investimentos em tecnologia e inovação demonstramos, mais uma vez, que estamos empenhados em desenvolver projetos que evoluam constantemente para encantar as pessoas com as quais nos relacionamos. As novidades deste ano também mostram que estamos atentos às tendências sociais, o que nos credencia a estar na vanguarda da inovação no setor para liderar o futuro”, completa o presidente.

A inteligência cognitiva no relacionamento com os clientes é um exemplo. O recurso, que já superou a marca de 1,1 milhão de atendimentos, torna o relacionamento com os segurados ainda mais dinâmico e assertivo com redução de 90% no tempo de espera das solicitações. A iniciativa também diminuiu o volume de chamadas na Central de Atendimento.

O aplicativo SulAmérica Saúde, que completou seis anos em outubro, superou a marca de dois milhões de usuários em 2018. O relacionamento com prestadores médicos também foi contemplado neste ano, com investimentos em inovação tecnológica para aprimorar o contato com a rede referenciada.

O SulAmérica Saúde Ativa, conjunto de iniciativas de incentivo à saúde e ao bem-estar com o objetivo de estimular hábitos de vida mais saudáveis e prevenir doenças, chegou a 86 mil segurados com acompanhamento. O programa Médico em Casa, que faz parte do Saúde Ativa, teve 2,7 mil atendimentos e satisfação de 88% entre os segurados até novembro. O avanço também se deu no âmbito do Futura Mamãe, que agora está disponível para todas as gestantes seguradas – o apoio começa durante a gravidez e vai até o quarto mês de vida do bebê.

No segmento de automóveis, a companhia segue em contínuo desenvolvimento do Auto.Vc, aplicativo de telemetria que pode ser utilizado por segurados e não segurados para hábitos de direção ainda mais responsáveis. A companhia também lançou a carteirinha do seguro de automóvel para download diretamente no celular e armazenamento em aplicativos Wallet, o que torna o acesso às informações do seguro ainda mais fácil em caso de emergências.

Com o apoio dos corretores e calculistas parceiros, a companhia desenvolveu o novo cotador para o seguro de automóvel, uma plataforma 100% online disponível para profissionais de todo o país. A ferramenta permite a realização de cálculos em apenas uma página, trazendo muito mais agilidade para o dia a dia dos corretores e calculistas.

No ramo de seguros residenciais e empresariais, a SulAmérica investiu em inovações no seu portifólio de produtos. A companhia lançou um seguro inédito para coworking e proteção para pessoas que trabalham em regime de home office, além de produtos para empresas e casas de contêiner, em linha com a proposta de personalização de produtos de acordo com as necessidades e demandas de cada cliente.

No segmento de Vida e Previdência, a SulAmérica disponibilizou, de forma pioneira, a opção de assinatura digital para contratação de produtos individuais destes ramos. Trata-se de uma forma ágil para o processo de emissão, assinatura e aceitação online. Essa ferramenta é acompanhada pelo corretor e o ajuda a impulsionar as vendas nestes ramos.

Projetos sociais e culturais

A SulAmérica apoiou, ao longo de todo ano, uma série de iniciativas sociais e culturais a partir do Circuito SulAmérica de Música e Movimento. Os espetáculos musicais, apresentações teatrais e eventos esportivos atraíram milhares de pessoas de todas as classes sociais em diferentes regiões do Brasil.

A seguradora patrocinou os musicais Zeca Pagodinho – Uma História de Amor ao Samba, Os Produtores, Turma da Mônica e HelloKitty em O Poder da Amizade e Vamp. Já a Orquestra Ouro Preto recebeu apoio da companhia para a apresentação de seus espetáculos Música para Cinema, The Beatles, Valencianas e O Pequeno Príncipe.

A empresa trouxe ao Brasil a companhia de dança italiana Evolution Dance Theater e a atração internacional LightWireTheater. O circo também fez parte dos patrocínios em 2018, com o retorno ao País do TihanySpectacular, terceiro maior do mundo. Em âmbito social, a Cia. Brasileira de Ballet e a Escola de Dança do Theatro Municipal de São Paulo foram os dois grupos selecionados para receber verbas incentivadas da companhia.

No segmento esportivo, as corridas noturnas Night Run e Up Night Run, que reforçam o compromisso da companhia na melhora da qualidade de vida, teve edições patrocinadas pela seguradora em dez cidades.

A empresa também promoveu o Dia da Cidadania, no Rio de Janeiro, com serviços gratuitos de saúde, como orientação médica, oftalmologia, otorrino, nutrição e serviços odontológicos.

Prêmios de Inovação CNseg 2018

A SulAmérica conquistou três premiações na oitava edição do Prêmio Antônio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros 2018. Promovida pela Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg), a cerimônia de premiação reuniu líderes do mercado segurador brasileiro no Hotel Copacabana Palace, no Rio de Janeiro.

Na categoria Processos e Tecnologia, a companhia ficou em primeiro lugar com o case “Programa de Mobilidade”, de autoria do gerente de Sustentabilidade, Luiz Pires, e de Raphael Wanderley, Sinval Salomé, Keila Poliana e Ricardo Paiva. Desenvolvido para endereçar vários desafios de negócio, como produtividade, mobilidade e continuidade, o objetivo é gerar resultado positivo para todos os envolvidos: melhora da qualidade de vida dos colaboradores e, simultaneamente, aumento da produtividade e a resiliência do negócio.

Ainda nessa categoria, o projeto “Sério que é um robô?”, de autoria do gerente de Inovação e Mobile da SulAmérica, Ricardo Prates, em colaboração com Tauá Vasconcelos, Daniel Sampaio, Fábio Zanelato e Alessandra Mendes, ficou em segundo lugar. Este projeto faz a utilização inovadora de inteligência artificial cognitiva no relacionamento via chat com clientes e corretores da companhia. Em 2018, mais de 1 milhão de atendimentos foi realizado pelo robô inteligente, com mais de 50% de resolução imediata e redução em 90% do tempo médio de resposta.

Já na categoria Produtos e Serviços, a seguradora novamente foi destaque, conquistando o segundo lugar com o case “Health Analytics: Ferramenta para Gestão de Saúde e Performance Financeira”. O trabalho apresenta a solução analítica de Big Data criada pela SulAmérica para aprimorar a tomada de decisão, o controle financeiro e a gestão de saúde. A autoria é de Raquel Giglio, Cristiano Barbieri, Washington Vital, Rivaldo Viscardi, Cátia Guedes, Dayanne Ferreira, Letícia Fajardo e Adriana França.

Equipe comemora a conquista

A seguradora conquistou troféus em sete das oito edições do prêmio, reflexo do investimento consistente da companhia em tecnologia e melhoria operacional. “A SulAmérica é uma empresa em constante movimento. Ao mesmo tempo em que investimos em uma transformação no mercado segurador, também focamos no bem-estar de nossos colaboradores. Nossos resultados e o reconhecimento por parte da CNseg nos mostram que estamos no caminho certo”, declara o presidente da companhia, Gabriel Portella.

O Prêmio de Inovação em Seguros da CNseg tem como objetivo reconhecer iniciativas que contribuam para o desenvolvimento do setor de seguros, impulsionando a evolução do mercado e o aprimoramento das relações com o consumidor.

A comissão julgadora deste ano foi composta pela economista Maria Eugênia Buosi; pela jornalista e gerente executiva de comunicação e people caring da Tim Brasil Carolina Paiva; pelo professor de Economia da Unicamp Antônio Márcio Buainain; pelo advogado e colunista do jornal O Estado de S. Paulo Antônio Penteado Mendonça; pelo economista e professor da UFRJ Hélio Portocarrero; pelo professor de Direito Constitucional da FGV Joaquim Falcão; pelo economista Sergio Besserman e pela professora associada do Departamento de Informática da PUC-Rio e co-editora-chefe da revista ACM Interactions Simone Diniz Junqueira Barbosa.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.