Seguradoras na lista das melhores empresas para trabalhar no Brasil

0
435

Chance de crescimento profissional, qualidade de vida no ambiente de trabalho, alinhamento de valores e boa estabilidade funcional foram alguns dos critérios que levaram diversas empresas do setor segurador a se destacarem no ranking das 150 melhores empresas para se trabalhar no Brasil, elaborado pela consultoria Great Place to Work (GPTW), com base em votação popular.

Em 2º lugar na categoria de empresas nacionais e multinacionais entre 1.000 e 9.999 funcionários, a Tokio Marine entende o prêmio como uma consequência do compromisso de tornar os seus 2,3 mil colaboradores protagonistas em suas respectivas áreas de atuação, oferecendo os subsídios necessários para seu desenvolvimento. Segundo a diretora de Pessoas, Planejamento e Sustentabilidade da seguradora, Luciana Amaral, “um colaborador motivado possibilita que os resultados da companhia sejam alcançados naturalmente, o que vem se comprovando na prática, com o excelente desempenho da Tokio Marine no Brasil nos últimos anos”.

A Porto Seguro ficou em 3º lugar na categoria das empresas nacionais e multinacionais com mais de 10 mil funcionários e, de acordo com seu diretor-presidente, Roberto Santos, que também é o presidente do Conselho Diretor da CNseg, o objetivo da empresa é ser um porto seguro para as pessoas. Segundo ele, “esse prêmio reforça ainda mais a nossa missão de ser um lugar onde as pessoas tenham orgulho de trabalhar”.

Na mesma categoria, a Liberty Seguros alcançou a 10ª colocação, estando, pelo terceiro ano consecutivo, entre as melhores empresas para se trabalhar no ranking geral, o que, segundo a sua diretora de Talentos, Delane Giannetti, é algo muito gratificante.  “Nosso principal objetivo em relação aos colaboradores é que eles sintam que trabalham em uma empresa onde podem ser quem realmente são e que ofereça um ambiente seguro para isso, com um olhar amplo e holístico, que valoriza o bem-estar e o desenvolvimento de todas e todos”, afirmou. 

Entre as empresas nacionais entre 100 e 999 funcionários, quem se destacou foi a Capemisa Seguradora, com seu 4º lugar. Para o presidente da Capemisa Seguradora e da Capemisa Capitalização, Jorge Andrade (foto), este reconhecimento mostra que “assim como somos especialistas em proteger nossos clientes, estamos atentos, olhando sempre com cuidado os nossos funcionários e nossos corretores, que são partes fundamentais de toda a engrenagem do nosso negócio, pois, sem esses agentes, a companhia não existe”.

Na premiação dos vencedores, que ocorreu dia 17/10, em São Paulo, também se destacaram a Zurich Santander Seguros e Previdência, que ficou em 35º lugar entre as empresas internacionais entre 100 e 999 funcionários, além da Mag Seguros, da Unimed Fortaleza e da Zurich Seguros, que ficaram, respectivamente, na 20ª, 28ª e 55ª posição na categoria das empresas internacionais entre 100 e 999 funcionários.  

Apesar de ainda não possuir uma visibilidade na proporção de sua importância, o setor segurador, que representa cerca de 6,5% do PIB nacional e cresce consistentemente acima da média da economia, é um segmento altamente inovador e preocupado com as questões ASG (Ambientais, Sociais e de Governança) e com o bem-estar de seus funcionários.  

A CNseg, que representa institucionalmente as seguradoras e tem a valorização dos colaboradores como um de seus valores, também oferece uma série de benefícios para os seus funcionários, além de programa de estágio e de Jovem Aprendiz. Recentemente, a Confederação Nacional das Seguradoras também disponibilizou em seu portal uma página com oferta de empregos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.